• atendimento84698

Empreendedorismo: como renovar a gestão da empresa

Atualizado: Jul 15

26/04/2021

A inovação - algo indispensável para manter a competitividade e sustentabilidade dos negócios - é um dos assuntos em destaque no mundo e um tema no radar de inovação da VCOM Tecnologia.


Não se trata apenas de inovar em produtos ou serviços. É importante também renovar a gestão da empresa, em busca de mais agilidade, eficiência, integração e lucratividade. Os chamados métodos de gestão ágil são frequentemente citados, atualmente, como forma de promover a inovação.


O mercado como um todo está mais dinâmico nos últimos anos. Os setores mais tradicionais, como instituições financeiras, indústrias e grandes empresas, estão passando por um processo de modernização em suas formas de atuação para competirem com os negócios mais enxutos, que tendem a ser mais flexíveis e rápidos nas tomadas de decisões. Na VCOM, acompanhamos essa movimentação para que os nossos sistemas, como o VCOM Cob Gestor, Zaap, UpTurn e NoAzul.net, acompanhem esse dinamismo do mercado.


Para se tornarem mais competitivas, as organizações, mesmo as já consolidadas, precisam soltar suas amarras e adotarem os métodos de gestão ágil. Visando se moldar às novas regras do jogo - inovação e agilidade - metas e hierarquias engessadas precisam ser repensadas.


Gestão de pessoas


Neste novo cenário, o gestor está cada vez mais ligado à otimização de processos e alinhamentos entre equipes. Para que esse modelo dê resultados, é necessário que todos na empresa trabalhem com um mesmo objetivo e a motivação comum de evoluir o negócio.


A gestão de pessoas é essencial no processo de agilizar os resultados; uma cultura organizacional colaborativa deve sustentar todas as ações dos colaboradores para que a empresa funcione e todos caminhem na mesma direção.


Apesar das metodologias empregadas e da atuação dos gestores, tais ações não anulam o planejamento que hoje, ao contrário do se realizava até cinco anos atrás, pode ser projetado para um ano, mas revisado a cada trimestre ou em um prazo menor. Com os indicadores e metas sendo ajustados, os empreendedores conseguem ter o controle do que precisam fazer para alcançar o que foi proposto para o presente e o futuro.



Mais agilidade


Tão respeitada e empregada no passado, a estrutura vertical, representada nos organogramas, não faz mais sentido nos dias de hoje. Cada departamento precisa ter autonomia para a gestão ser verdadeiramente ágil. Com objetivos bem alinhados dentro da estratégia global da empresa, cada área deve ter condições para ajustar os indicadores da forma que fizer mais sentido para seu trabalho. Afinal, quem melhor para analisar os erros e acertos do que quem está todos os dias com a mão na massa?


Os benefícios de uma gestão voltada para agilidade dos processos passam por uma reorganização da empresa, que pode - e deve - ser feita de forma natural e alinhada com as expectativas das pessoas.


Transformação Digital e gestão 4.0


A transformação das empresas não é mais uma questão de “e se acontecer”, mas, sim, uma questão de “quando vai acontecer” e a resposta é: agora. A tecnologia se tornou uma poderosa aliada das empresas, transformando todos os processos em digitais. Utilizá-la como importante meio de relacionamento com os clientes está relacionado à maneira como a empresa se organiza, opera e se comunica.


É essa transformação digital que vem repaginando os modelos de negócios. Com ela, a gestão ganhou novos contornos para se adaptar às exigências e rumos do mercado. Nesse cenário corporativo em constante evolução, surgiu a chamada Gestão 4.0, uma forma de administração mais flexível, interativa e aberta, que tem sido implementada por empresas dos mais variados portes e segmentos.


Essa nova forma de dirigir uma corporação – grande ou pequena – tem influenciado na forma como ela produz e usa os recursos de TI em sua rotina a partir de inovações tecnológicas, como nuvem, analytics, internet das coisas, machine learning etc., aplicadas aos processos de manufatura.


A Gestão 4.0 utiliza a tecnologia e a inteligência para renovar a administração corporativa, trazendo como foco a experiência dos consumidores (internos e externos). Nesse contexto de transformação digital, os sistemas de cobrança e recuperação de crédito da VCOM Tecnologia contribuem para a automação de tarefas, além de agregar mais meios de comunicação e relacionamento com os clientes, redução da inadimplência e melhorias no fluxo de caixa.


Habilidades


Com a transformação digital ganhando cada vez mais espaço no dia a dia, é possível observar uma grande movimentação do mercado em busca por profissionais que possuam habilidades (soft skills), como empatia, criatividade e coragem – atributos que não eram tão valorizados no mercado de trabalho.


Nas estruturas corporativas que estão se formando hoje, as empresas estão mais sensíveis e aptas a aproveitar as habilidades de seus empregados. E não é só em conhecimentos técnicos, mas também em atributos como capacidade de inovação, espírito empreendedor, curiosidade, criatividade, imaginação, inteligência social e inteligência emocional.


Empresas que caminharem neste sentido têm mais chances de serem bem-sucedidas. Elas precisam de líderes capazes de atuarem como “maestros de competências”, sendo capazes de ouvir, observar, incentivar, compartilhar e promover a transformação real de suas organizações e de seus processos. E, como falamos no início deste post, gestores e equipes juntos poderão contribuir para a renovação da gestão da empresa.


Na VCOM, oferecemos cursos para nossas equipes, tanto os técnicos como os que focam em habilidades de gestão e relacionamento. Graças a política de desenvolvimento das habilidades de seus colaboradores, a VCOM obteve o certificado Great Place To Work 2020-2021, como já ocorreu em anos passados, confirmando seu compromisso com uma moderna gestão de pessoas.